Sou Miriam Prochnow, tenho 45 anos, moro em Atalanta, sou casada com Wigold Schäffer e mãe de Carolina e Gabriela. Nasci em Agrolândia, onde vivi minha infância. Morei e estudei em Pouso Redondo, onde concluí o ensino fundamental. Cursei o ensino médio e a faculdade em Rio do Sul. Sou formada em Pedagogia com especialização em meio ambiente pela FURB de Blumenau. Morei e trabalhei como professora em Ibirama por 7 anos, onde ajudei a criar a Associação de Preservação do Meio Ambiente e da Vida – Apremavi, que tem sedes em Rio do Sul e Atalanta. Trabalhei também no Ministério do Meio Ambiente onde coordenei o Núcleo Mata Atlântica. Há 23 anos trabalho com desenvolvimento sustentável junto a Apremavi e por isso conheço de perto a realidade da nossa região e do nosso Estado.

Fui coordenadora da Rede de ONGs da Mata Atlântica por 16 anos, tendo sido a coordenadora geral por três anos.  A Rede congrega mais de 340 organizações ambientalistas do Brasil. Trabalho também como secretária executiva do Diálogo Florestal, uma organização que reúne empresas do setor florestal e ONGs do Brasil. Faço parte do conselho internacional do Diálogo Florestal, representando o Brasil.

Quero ser a sua representante na Câmara dos Deputados, pois acredito que o Brasil e Santa Catarina podem e devem fazer muito mais pela saúde, pela educação, pela agricultura familiar, em busca de energias limpas e renováveis, pelo transporte e mobilidade urbana, pelo esporte, pela cultura, pela conservação dos recursos naturais, pois só assim alcançaremos o desenvolvimento sustentável. Um desenvolvimento que melhore a renda e ao mesmo tempo cuide do bem estar das pessoas, respeite os direitos das gerações futuras e a natureza.

Santa Catarina deve fazer muito mais para combater os efeitos das mudanças climáticas e diminuir os impactos das enchentes e deslizamentos, garantindo local digno e seguro de moradia para as pessoas que moram em áreas de risco. A minha história de trabalho, construída na região do Vale do Itajaí e em outras regiões de Santa Catarina e do Brasil me deram ampla experiência e são as minhas credenciais para pedir o seu voto.

Estou com Marina Silva e nossa prática de vida sempre foi pautada pelo diálogo, buscando assim o melhor para a sociedade e para o Brasil. Por isso, eleita Deputada Federal vou imediatamente procurar lideranças comunitárias e também as prefeituras e câmaras de vereadores da região, bem como o governo do Estado e a Assembléia Legislativa,
independentemente do partido e, a partir das diretrizes para uma Santa Catarina Sustentável, elaborar um plano de ação, colocando o mandato a disposição dos interesses de Santa Catarina.

Quero fazer um pedido especial a todos: jovens, mulheres, cidadãos e cidadãs de todas as idades, para juntos garantirmos a representatividade da região e de Santa Catarina no Congresso Nacional, em defesa do desenvolvimento sustentável.

Por isso peço o seu voto, e peço também que fale com seus amigos e amigas para que votem pelo bem-estar das presentes e futuras gerações.

Abraços,

Miriam4343

Compartilhe